Páginas

03 abril 2016

Como higienizar seu Notebook

Higienizar um notebook é de fundamental importância para a boa manutenção do equipamento, pois o acúmulo de poeira pode riscar componentes ou bloquear as saídas de ar, causando sérios danos por superaquecimento. 











. O que usar
Para limpar um notebook, você pode usar um pano macio que não solte fiapos, cotonete, pincel fino de cerdas macias, água e lata de ar comprimido. Há também miniaspiradores que você encontra em sites de compras e lojas especializadas.

O que não usar
Não use produtos de limpeza como aqueles multiuso ou qualquer abrasivo. Não use panos duros que riscam e que soltam fiapos. Caso você utilize limpadores especiais, não os aplique diretamente no notebook. Aplique-os sobre um pano primeiro.
Faça a limpeza
Desligue o notebook da tomada e, de preferência, remova a bateria. Vamos dividir seu computador em quatro partes: área externa, entradas e saídas, tela e teclado.
Área externa
Use um pano levemente umedecido com água. Lembre-se de que você deve evitar que água escorra para não atingir componentes internos, então não exagere. Faça movimentos leves.
Na hora de limpar a parte de trás da tela, tome cuidado para não fazer pressão, pois o LCD também é sensível nessa parte. Use outro pano, seco, para remover qualquer excesso. Faça isso também com movimentos leves. O touchpad também pode ser limpo com o mesmo pano umedecido.
Entradas de componentes e saídas de ar
As entradas de componentes são bem pequenas, e por isso, muitas vezes você pode precisar de um cotonete e de pincel, esfregando com delicadeza para remover a sujeira. Mas atenção: o cotonete deve ser utilizado apenas nas bordas externas. Se utilizá-lo dentro dos contatos, há o risco de enroscar e soltar fiapos. O ar comprimido também é bom para limpar esses locais de difícil acesso. Use-o sempre na posição vertical, direcione o ar e sempre use jatos curtos. Use uma lanterna para melhorar a identificação de sujeiras.


As saídas de ar geralmente ficam na parte de trás ou na lateral do notebook. Elas merecem atenção especial porque retiram o ar quente de dentro do computador e, com o tempo, são bloqueadas por sujeira.
Não é recomendado utilizar ar comprimido, pois isso pode direcionar a sujeira para dentro do notebook. Uma boa opção pode ser o miniaspirador específico para este fim. Ou então, com um pouco de paciência, passe cotonetes e use um pincel fino na grade até remover toda a sujeira.

Tela
A limpeza da tela de um notebook é crucial, pois o LCD é muito sensível. Utilize um pano macio e esfregue sem fazer pressão para remover pó e sujeiras maiores. Nunca faça pressão sobre uma tela de LCD.
Mas se o monitor tem marcas de dedo e gordura, o melhor é umedecer levemente o pano com água, ou então usar um produto específico para limpeza de LCD, encontrado com facilidade em lojas de informática. Apenas lembre-se de nunca espirrar o produto diretamente na tela, e sim no pano.




Teclado
Em primeiro lugar, não tente remover as teclas como é possível em um teclado de desktop. Comece com um pano levemente umedecido e esfregue com um pouco mais de força para remover excessos. A sujeira se acumula entre as teclas, e é difícil alcançá-las. A melhor dica para limpá-las é utilizar uma lata de ar comprimido. Um pincel fino e de cerdas macias também pode ser utilizado para complementar a limpeza entre as teclas.

Na falta de ar comprimido, você pode usar miniaspiradores de pó específicos para limpeza de teclados e de notebooks. É possível também utilizar um aspirador comum, mas preste atenção em algumas ressalvas: tenha certeza de que ele não é muito forte e utilize um bico direcionador com cerdas.




Cuidados
A verdade é que um pano levemente umedecido deve resolver todos os seus problemas de sujeira no notebook. Caso ainda sobrem manchas, reveja alguns hábitos e confira se você está tendo pouco cuidado com o uso do seu aparelho. Procure se informar sobre produtos específicos em lojas especializadas. Sempre há alguma opção para limpar definitivamente o seu equipamento.


Nenhum comentário:

Postar um comentário