Páginas

27 setembro 2015

Os benefícios de 7 cores de alimentos

As cores dos alimentos dizem muito sobre elas , não fornecem apenas beleza, mas também desempenham importantes funções na proteção do organismo,as cores dos alimentos costumam atuar diretamente no sistema imunológico, prevenindo cânceres, doenças cardiovasculares e outras enfermidades.
Tipos de alimentos: alcachofra, ameixa, uva (suco de uva e vinho tinto), repolho roxo e berinjela,alimentos roxos são ricos em ácido elágico, antocianinas e vitamina B1, que atuam retardando o envelhecimento, prevenindo câncer e melhorando o sistema imunológico.
ROXO=





VERDE=
Abacate, brócolis, couve, kiwi, chuchu, limão, vagem, salsa e outros vegetais. Os verdes são ricos em fibras, ferro (mais presente nos verdes escuros), cálcio, vitamina A e clorofila,Eles também combatem anemias, cânceres e radicais livres, são desintoxicantes e melhoram a função intestinal.




LARANJA=
Tipo de alimentos: cenoura, abóbora e mamão. Normalmente os alimentos laranjas são ricos em betacaroteno (Pró vitamina A), que oferece ação antioxidante e costumam manter por mais tempo aquele bronzeado no verão,eles atuam na manutenção dos tecidos, na visão, nos cabelos e ainda melhoram o sistema imunológico.




VERMELHO =
Tipos de alimentos: caqui, morango, goiaba, melancia e tomate. Já os alimentos vermelhos são ricos em licopeno, vitaminas do complexo B e vitaminas A e C,
Eles atuam combatendo radicais livres, protegendo o coração e o envelhecimento. Além disso, previnem, principalmente, o câncer de próstata.




BRANCO =
Tipos alimentos: alho, mandioca, batata, palmito, couve-flor, arroz, banana, maçã, pera e leite,eles são fontes de cálcio, fósforo, potássio, vitamina B6. Atuam também na elasticidade dos músculos, na manutenção dos dentes e ossos, fortalecem o sistema imunológico, reduzem o estresse e o cansaço.






AMARELO =
Tipos de alimentos: abacaxi, maracujá, manga, caju e milho. "Eles são grandes fontes de vitamina C e bromelina – substância que melhora a digestão. Atuam diretamente no sistema imunológico, elevando a resistência a diversas doenças.







MARRON=
Tipos de alimentos: cereais integrais e oleaginosas,São alimentos fontes de carboidratos complexos, fibras, vitaminas do complexo B, magnésio e vitamina E. Apresentam função antioxidante, melhoram a função intestinal, previnem doenças cardiovasculares e cânceres, funcionam como relaxante muscular e ajudam no combate à ansiedade.



24 setembro 2015

Rosa quartz é a cor da vez, segundo a Pantone

 A Pantone anunciou as top 10 cores do verão 2016 e a cor preferida da estação vem beeem mais leve.
 É o Rose Quartz, inspirada na famosa pedra “quartzo rosa“. A diretora executiva da Pantone, Leatrice Eiseman, acredita que tem uma razão psicológica na busca dos “blush colors“: para ela o fato da tecnologia estar tão presente 24 horas por dia criou grande parte da necessidade de buscar por conforto, cores suaves; a tecnologia é tão potente que as pessoas desejam parar o mundo e desconectar um pouco.
Esse  tom é muito visto em todo tipo de maquiagem como blushes ou ainda em batons super claros e sombras para iluminar o olhar. 
Outra coisa que me chamou atenção foram as influências tecnológicas: uma das grandes novidades no anúncio do novo iPhone foi a opção da cor “rose gold“, ou seja, a cor do ano! Isso é para vocês verem como a moda influencia todos as áreas.







08 setembro 2015

Diferenças entre os treinos feminino e masculino

 As mulheres têm a estrutura óssea mais leve e um percentual de gordura maior. Com a mesma altura são mais leves e possuem menos força. Porém não é por isso que as mulheres devem treinar menos peso que os homens. A principal diferença entre os treinos femininos e masculinos é a intensidade. O trabalho de aumento da massa muscular exige um programa de treino mais intenso com poucas repetições e muita carga. Esse é um objetivo unânime entre os homens, mas não para as mulheres. Mulheres têm objetivos e necessidades diferentes e buscam uma redução de gordura localizada, condicionamento físico e definição muscular. A mulher tem 30% menos massa muscular que o homem.
Há diferença entre a reação do corpo do homem e da mulher à atividade física?
A reação depende do nível de condicionamento. Se realizar um exercício aeróbio a 70% da frequência cardíaca máxima ou um exercício muscular a 70% da força máxima, os sintomas serão os mesmos para ambos os sexos. 
No universo feminino, existe um momento onde a reação ao exercício pode ser diferente. Na fase folicular (início da menstruação), a mulher tem alterações hormonais que a deixa com mais força. Na fase lútea, que dura aproximadamente 13 dias, e termina com o início de sangramento menstrual, a força diminui. Hoje é comum desenvolver o planejamento das atividades considerando as fases do ciclo menstrual, fazendo com que o treinamento de força seja variado. 
O ganho de massa muscular
 Com relação á prática de musculação, os benefícios são definição muscular, emagrecimento, melhora da postura, fim das dores musculares e aumento da massa muscular. Detalhe: o corpo marombado é quase uma utopia para as mulheres - elas não têm condições hormonais para isso. O que determina o aumento da massa muscular é a forma como foi planejada, intensidades e atividades fora da academia.
Mesmo com essas diferenças, algumas mulheres aumentam a massa muscular com facilidade. O ideal é acompanhar a evolução com uma análise de composição corporal onde observaremos o aumento da massa muscular. Um acompanhamento a cada três meses já é o suficiente.
 Para desenvolver um trabalho combinado de modalidades com eficiência, os treinos devem ser moderados e a soma das atividades não pode ultrapassar duas horas. Se você corre dez quilômetros na esteira, por exemplo, e depois ainda faz um treino pesado de musculação, podem haver prejuízos nos resultados. A escolha do que fazer primeiro poderá ajudar.
Para quem tem como foco emagrecer, o trabalho aeróbio deve ser o primeiro. Para quem quer aumentar a massa magra, o trabalho muscular deve ser a prioridade. Ainda temos o caso de mulheres que precisam emagrecer e ganhar resistência muscular ao mesmo tempo. Para essas, o formato de circuito - em que são mesclados trabalho cardíaco e muscular - é a melhor opção.
Malhar os braços
 A musculatura superior contribui para a manutenção da postura, ajuda a prevenir dores e lesões articulares e traz benefícios estéticos. Os principais músculos a serem trabalhados são: peitoral (fly e crucifixo); Dorsal (remada sentada e puxador pulley na frente); bíceps (rosca direta e rosca martelo); tríceps (testa e pulley) e ombros (elevação frontal e lateral). A mulher deve trabalhar todos os músculos superiores, mas claro que não será na mesma proporção dos membros inferiores.
Gaste tempo na academia
 Com relação ao tempo passado na academia, as mulheres querem ter mais resultados sem sofrer tanto. Administram mal seu tempo conversando demais e se arrumando muito para treinar. Muitas mulheres têm mais tarefas do que o homem e isso faz com que não fiquem o tempo necessário na academia. Por isso devemos lembrá-las que o resultado só virá como fruto do trabalho - um mês treinando certinho pode valer bem mais que três meses de treinos mal feitos.
Para conseguir a barriga chapada
 Muitas mulheres procuram ajuda profissional ficar com a barriga chapada. Isso vai depender de dois fatores: pouca gordura na região e musculatura abdominal desenvolvida. A sugestão para secar a barriga é realizar exercícios abdominais variados que trabalhem a musculatura infra, reto e supra-abdominal, além dos oblíquos. No próprio colchonete é possível fazer mais de 30 tipos de abdominais - realize dois exercícios para cada uma das divisões já citadas. A intensidade pode ser ampliada com aumento de carga usando o peso do próprio corpo, aumento de ângulo ou anilhas, do volume de repetições, e diminuindo o tempo de descanso entre as séries.